Crime

São pelo menos sete as vítimas dos maníacos de Marituba

Em coletiva realizada na manhã desta segunda (13), o delegado geral da Polícia Civil, Alberto Teixeira, afirmou que são pelo menos sete vítimas na série de estupros e uma morte em Marituba, entre eles está o caso da jovem Samara Mescouto.

Alberto Teixeira declarou ainda que o número de vítimas pode aumentar com a prisão dos dois homens que ficaram conhecidos como “maníacos de Marituba”. O primeiro caso de estupro foi registrado em junho do ano passado.

Outro relato de violência sexual aconteceu em 4 de janeiro deste ano. Uma jovem de Benevides, também na região metropolitana de Belém, foi atraída por uma “suposta cliente mulher” após anunciar produtos de beleza no facebook. Quando chegou na Praça Matriz de Marituba, veio a desculpa da “cliente” que inventou algum motivo para não ir e disse que enviaria um mototaxista de sua confiança. Ao apanhar o mototaxistas no local combinado, a vítima foi levada para um local isolado de Marituba onde sofreu violência sexual.

No dia 7 de janeiro, uma jovem desconfiou e pulou da bicicleta que era conduzida pelo menor de idade preso neste domingo (12).

No dia 10 janeiro a vítima foi Samara Mescouto, estuprada e morta. Da mesma forma que a vítima de Benevides, Samara foi até Marituba realizar um serviço de estética por R$60,00.

No sábado dia 11, duas irmãs foram vítimas dos maníacos de Marituba. Uma delas está em estado grave no Hospital Metropolitano após ser cruelmente espancada. Elas foram atraídas para realizar serviços de manicure em Marituba pela suposta cliente. No local combinado ligaram para a cliente, o “marido” atendeu e disse que a”esposa” não estaria e ele se prontificaria a buscá-la.

Ao chegar no local, viu que a manicure estava acompanhada da irmã. O adolescente levou primeiro a manicure e disse que depois voltaria para buscar a irmã. A irmã estranhou a demora e foi atrás, no caminho encontrou o adolescente de bicicleta, sem saber o que tinha acontecido, ela subiu na bicicleta e foi levada para uma área isolada onde também foi agredida, roubada e violentada. O adolescente tentou estrangula-la, porém a jovem lutou e conseguiu escapar seminua até encontrar ajuda.

Depois de ser socorrida, ela informou que a irmã manicure estava desaparecida também. Após horas de buscas, encontraram a vítima em um matagal, desacordada.

Na delegacia de Marituba, todas as vítimas reconheceram o adolescente como autor dos estupros. Além dos quatro estupros e uma tentativa de estupro, após a apreensão, outras duas vítimas que sofreram abuso sexual no ano passado, em Marituba, confirmaram que o adolescente era o autor dos estupros. 

Etiquetas

Um Comentário

  1. Esse Barbalho não Governa nada no Pará😠
    Se não fosse o Dep.Federal Eder Mauro solucionar esse caso .Os Maníacos iam continuar impunes em Marituba,fazendo vítimas e mais vítimas.
    #foraBarbalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar