Regional

PSOL organiza protestos contra melhorias no Mercado de São Brás

Uma manifestação organizada pelo PSOL e movimentos sociais no Mercado de São Brás chamou a atenção nesta segunda (2) em Belém. Com a desculpa de ser contra a “privatização” do mercado, isto é, uma suposta venda do espaço para a iniciativa privada, os organizadores realizaram um abraço simbólico para proteger o patrimônio.

Porém, o espaço será objeto de uma Parceria-Público -Privada (PPP) que visa justamente proteger o patrimônio que atualmente está bastante deteriorado.

Ao contrário do que o vereador Fernando Carneiro, PSOL e movimentos sociais afirmam, podendo ser classificado como “fake news”, o Mercado de São Brás não será privatizado, continuará a ser público e do povo de Belém.

A prefeitura fará uma PPP justamente para requalificar o espaço e ressignificar sua funções, respeitando suas linhas e os permissionários que lá já trabalham.

O PSOL, Fernando Carneiro, Didi e os movimentos sociais entusiasmados em atrapalhar a requalificação de mais um espaço em Belém poderiam pelo menos buscar um debate honesto. Mas como se há interesses políticos, acima do bem estar da cidade, por trás desses “protestos”?

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar