Crime

Maníaco da BR 316 é condenado a 137 anos de prisão

O criminoso conhecido como “Maníaco da BR 316”, Gilberto Egues da Costa foi condenado a 137 anos e 10 meses de prisão pelos delitos de estupro e roubo de, pelo menos, oito mulheres. Gilberto foi julgado e condenado em 30 de dezembro de 2019, o processo tramitou em sigilo e só foi divulgado pelo portal do Tribunal de Justiça do Estado do Pará nessa quarta-feira(15).

A sentença foi proferida pela juíza Haila Hasse de Miranda, da 4ª Vara Criminal. De acordo com a denúncia do Ministério Público do Pará (MP-PA), o homem de aproximadamente 36 anos, estuprou e roubou várias mulheres entre os anos de 2017 e 2018.

Gilberto Egues Costa, abordava as vítimas na BR-316, próximo a um shopping localizado no bairro do Coqueiro, armado ele ameaçava as mulheres. Assustadas, elas o acompanhavam até um lugar distante e deserto, onde o condenado as roubava e as estupravas por diversas vezes.

Segundo as investigações, estão entre as vítimas adolescentes e mulheres adultas. Em três das oito mulheres foram identificados, por meio de exame de DNA, vestígios de líquido seminal do condenado. A identificação foi feita por meio do trabalho da polícia e da perícia forense.

O acusado respondeu a todo o processo preso e pode recorrer da decisão da justiça com recurso da sentença.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar