Política

Elcione Barbalho e Priante votam pelo não afastamento de deputado acusado de crime de corrupção

Após ser denunciado pela PGR (Procuradoria-Geral da República) sob acusação dos crimes de organização criminosa e corrupção, o deputado federal Wilson Santiago (PTB-PB), afastado por determinação do ministro do STF, Celso de Mello, retornou suas atividades na Câmara dos deputados, após votação em plenária.

De acordo com o Ministério Público, Wilson desviou verbas que deveriam ter sido destinadas ao combate na seca no sertão da Paraíba. Além disso, existem vídeos gravados pela Polícia Federal em que o parlamentar aparece recebendo propina seu gabinete e em seu apartamento, em João Pessoa.

A Polícia Federal, durante diligencia no apartamento do parlamentar acusado, localizou um aparelho celular escondido em uma caixa de remédio, dentro de um frigobar. 

O partido do governador Helder Barbalho, do seu pai Jader Barbalho, sua mãe a deputada Elcione Barbalho e seu primo Priante, o MDB votou 100% para a permanência do deputado na Casa Legislativa.

O que se comenta, é que os deputados votaram contra o afastamento do deputado por temor de que isso abriria precedentes que colocaria em risco outros parlamentares também com problemas na Justiça.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Open chat
Denúncias, informações ou sugestões
Olá!
Estamos aguardando seu contato.
Powered by